É bom sonhar muito? Confira a resposta! - Dicas do Freitas
Publicidade

É bom sonhar muito? Confira a resposta!

De acordo com um artigo publicado no jornal da Academia de Ciências de Nova York, as pessoas estão sonhando menos atualmente. No entanto, isso pode trazer prejuízos na sua vida, já que sonhar muito é bom.

Publicidade

Sonhar é um meio de sua mente trazer benefícios para sua saúde mental e física, através de traumas tratados, fobias amenizadas, memórias consolidadas, além da correta regulação de processos metabólicos importantes para sua qualidade de vida.

Benefícios em sonhar

Os sonhos nos ajudam a armazenar as memórias e as coisas que aprendemos.

Publicidade

O cérebro reativa e consolida as novas memórias e informações recebidas enquanto dormimos, e os pesquisadores têm visto que este processo se reflete diretamente no conteúdo de nossos sonhos.

Entretanto, alguns especialistas acreditam que os sonhos não refletem apenas o que precisamos saber e lembrar, eles o estão catalogando ativamente.

Suas descobertas sugerem que nossos sonhos são uma espécie de experiência de realidade virtual, uma vez que testemunhamos este processamento de memória.

Publicidades

As experiências tanto em animais quanto em humanos apoiam a teoria de que nossos sonhos são como um “ensaio” dessa nova informação, permitindo que nosso cérebro a coloque em prática e organize e consolide ativamente o material.

Os sonhos ajudam a processar nossas emoções.

Pesquisas recentes sugerem que é mais provável que sonhemos com experiências emocionalmente intensas, e as ondas cerebrais theta durante o sono REM são uma maneira pela qual o cérebro consolida essas memórias. Isto levou alguns pesquisadores a examinar como o sono REM desempenha um papel na recuperação do trauma e na regulação do humor, devido a sua mão no processamento de experiências difíceis

Até mesmo os pesadelos têm benefícios.

Os pesadelos ocorrem com mais frequência no sono REM, mas ao contrário dos sonhos lúcidos, essas imagens intensas e muitas vezes indesejáveis acontecem com a diminuição da atividade do córtex pré-frontal, o que significa que há menos controle emocional e uma sensação mais esmagadora de excitação.

Os pesquisadores agora acreditam que estas experiências são a maneira do cérebro nos preparar para quando coisas ruins acontecem, como um ensaio geral emocional.

É quase como se a mente estivesse antecipando coisas ruins que acontecem, e depois experimentando soluções.

Alguns especialistas acreditam que este é um mecanismo de defesa enraizado em nossos primeiros dias, pois se algo ruim acontecesse uma vez, haveria uma chance de acontecer novamente. Portanto, ter um pesadelo recorrente desse evento poderia mantê-lo em guarda.

Problemas em sonhar pouco

Sem sonhar o tempo necessário, você pode ter problemas emocionais, psicológicos, obesidade e até desenvolver diabetes, entre outros problemas. Seguindo esse raciocínio, sonhar muito é bom.

No entanto, com a vida cotidiana cada vez mais corrida, as pessoas estão sonhando menos. Um dos maiores causadores disso é a insônia, que é considerado um problema de saúde pública mundial. Cerca de 36% da população mundial tem quadros de insônia.

Sem dormir, é impossível conseguir sonhar o tempo necessário para ter todos os benefícios proporcionados por sonhar demais. Uma vez que você já descobriu que sonhar muito é bom, é necessário investir em si mesmo para ter noites de sono de mais qualidade.

3 Dicas para dormir melhor

Mesmo se você dormir as 8 horas de sono indicadas pelos especialistas, se a qualidade do seu sono for ruim, você não irá sonhar. Isso porque você precisa alcançar a fase REM do sono para conseguir sonhar.

É na fase REM do sono, estado mais profundo, que o cérebro entra em relaxamento total. Dessa forma, a mente pode processar todas as informações, emoções e pensamentos registrados durante o dia, amenizando as emoções negativas e consolidando as memórias adquiridas.

No entanto, há algumas práticas que você pode adquirir para dormir com qualidade e sonhar mais. Uma delas é passar em um psiquiatra e solicitar tratamento medicamentoso para ter um sono de qualidade. No entanto, existem algumas outras práticas para ajudá-lo a dormir melhor e ter mais sonhos.

1. Tenha horários regulares para dormir e acordar

horario pra dormir

O seu organismo precisa de uma rotina saudável para funcionar de forma eficaz. Isso significa ter horários certos para comer, trabalhar, ter horas de lazer, dormir e acordar.

Ao ter um horário determinado para dormir e acordar, mesmo nos finais de semana e feriados, você terá mais chances de dormir bem e sonhar mais.

2. Faça exercícios físicos

A prática de atividades físicas pela manhã ou à tarde é fundamental para você dormir melhor.

No entanto, não pratique exercícios físicos durante a noite, já que isso pode causar agitação. Faça seus exercícios até seis horas antes de ir para cama.

Dessa maneira, você dormirá melhor até atingir o estado REM do sono.

3. Não beba cafeína à noite

Evite tomar café, energéticos, refrigerantes e outras bebidas com cafeína antes de dormir.

O ideal é consumir a substância até 4 horas antes de você ir para cama. Isso porque você pode sofrer com insônia e consequentemente, dormir mal a ponto de não ter sonhos.

Para mais detalhes sobre sonhos, acesse https://supersticiosidade.com.br/

Freitas

Por muito tempo fui cozinheiro, trabalhei como ajudante de salão de beleza, auxiliar administrativo e por fim… Blogueiro ( atual rsrs ). Amo compartilhar ideias, dicas e o meu dia a dia.

Leave a Reply

Your email address will not be published.

Postagens recentes

Damos valor à sua privacidade

Nós e os nossos parceiros armazenamos ou acedemos a informações dos dispositivos, tais como cookies, e processamos dados pessoais, tais como identificadores exclusivos e informações padrão enviadas pelos dispositivos, para as finalidades descritas abaixo. Poderá clicar para consentir o processamento por nossa parte e pela parte dos nossos parceiros para tais finalidades. Em alternativa, poderá clicar para recusar o consentimento, ou aceder a informações mais pormenorizadas e alterar as suas preferências antes de dar consentimento. As suas preferências serão aplicadas apenas a este website.

Cookies estritamente necessários

Estes cookies são necessários para que o website funcione e não podem ser desligados nos nossos sistemas. Normalmente, eles só são configurados em resposta a ações levadas a cabo por si e que correspondem a uma solicitação de serviços, tais como definir as suas preferências de privacidade, iniciar sessão ou preencher formulários. Pode configurar o seu navegador para bloquear ou alertá-lo(a) sobre esses cookies, mas algumas partes do website não funcionarão. Estes cookies não armazenam qualquer informação pessoal identificável.

Cookies de desempenho

Estes cookies permitem-nos contar visitas e fontes de tráfego, para que possamos medir e melhorar o desempenho do nosso website. Eles ajudam-nos a saber quais são as páginas mais e menos populares e a ver como os visitantes se movimentam pelo website. Todas as informações recolhidas por estes cookies são agregadas e, por conseguinte, anónimas. Se não permitir estes cookies, não saberemos quando visitou o nosso site.

Cookies de funcionalidade

Estes cookies permitem que o site forneça uma funcionalidade e personalização melhoradas. Podem ser estabelecidos por nós ou por fornecedores externos cujos serviços adicionámos às nossas páginas. Se não permitir estes cookies algumas destas funcionalidades, ou mesmo todas, podem não atuar corretamente.

Cookies de publicidade

Estes cookies podem ser estabelecidos através do nosso site pelos nossos parceiros de publicidade. Podem ser usados por essas empresas para construir um perfil sobre os seus interesses e mostrar-lhe anúncios relevantes em outros websites. Eles não armazenam diretamente informações pessoais, mas são baseados na identificação exclusiva do seu navegador e dispositivo de internet. Se não permitir estes cookies, terá menos publicidade direcionada.

Importante: Este site faz uso de cookies que podem conter informações de rastreamento sobre os visitantes.